Publicidade

Posts com a Tag segundo escalão

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011 Governo | 09:10

Dilma enfrenta PT para limpar segundo escalão

Compartilhe: Twitter

Dilma e PT: relação menos cor de rosa (Foto: Wilson Pedrosa/AE)

A presidenta Dilma Rousseff está enfrentando resistência no PT para trocar nomes do segundo escalão. Ela fez um mapeamento dos cargos e constatou uma espécie de fadiga de material de algumas pessoas há muito tempo na mesma função – seja pelo que considera, em seu jeitão técnico, “incompetência” ou por problemas com o Ministério Público ou outros órgãos de fiscalização.

Na avaliação de Dilma, é a hora de trocar pessoas que estão há 7 ou 8 anos no mesmo cargo. A substituição seria uma espécie de ação preventiva antes que a má gestão em alguns casos seja descoberta pela oposição ou pela imprensa.

A guerra interna entre as tendências do PT, no entanto, é o maior entrave para as demissões. O partido evita expor essas desavenças da nanopolítica.

Um caso concreto é o do presidente do Incra em São Paulo, Raimundo Pires Silva, sob acusação de beneficiar cooperativas em convênios com o Movimento dos Sem-Terra (MST).  Já existem nomes para substituí-lo, mas a Democracia Socialista entrou em ação.

– Quando o cargo está nas mãos de uma tendência organizada é difícil, há muita resistência – revelou um deputado do PT  ao Poder Online.

Autor: Tags: , , , ,

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011 Brasil | 18:58

Geddel na lista da degola

Compartilhe: Twitter

O apagão do Nordeste pode trazer outra dor de cabeça para o PMDB.

É que um dos caciques do partido, o ex-ministro Geddel Vieira Lima, derrotado na disputa pelo governo da Bahia, tinha mandado sinais à cúpula peemedebista de que gostaria de ser contemplado com uma diretoria da Eletrobras.

Agora que Dilma Rousseff vai aproveitar o apagão para varrer do setor elétrico os políticos, Geddel deve ficar sem essa vaguinha.

Autor: Tags: , , , ,

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011 Governo | 18:34

Até tu, “Meu bicho grilo” ?

Compartilhe: Twitter

Marcelo Branco

Apelidado por Dilma Rousseff de “Meu bicho Grilo”, o ex-coordenador de internet da campanha do PT, Marcelo Branco, está usando o twitter para ajudar a oposição.

Hoje, ele tuitou críticas pesadas a uma suposta indicação para o segundo escalão do Ministério da Cultura:

– Socorro: Hildebrando Pontes Neto pode chefiar o setor de direito autoral do MinC.

E comparou:

– Hildebrando Pontes, no direito autoral do MINC, seria o mesmo que Ronaldo Caiado, da UDR, na reforma agrária do MDA.

A tal da nomeação foi desmentida mais tarde.

Autor: Tags: , , ,

Governo | 16:27

PMDB reúne-se com Palocci para tentar acertar os cargos de segundo escalão

Compartilhe: Twitter

A cúpula do PMDB está reunida neste momento com o vice-presidente da República e presidente licenciado do partido, Michel Temer, e com o ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci.

O tema da conversa, naturalmente, é a distribuição dos cargos de segundo escalão.

Autor: Tags: , ,

Congresso | 16:04

Uma Benedita no meio do caminho de Eduardo Cunha

Compartilhe: Twitter

Na saída de Dilma Rousseff da mesa diretora da Câmara, depois de seu discurso, estava bem posicionado ali pertinho o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Ele foi se aproximando da presidenta, mas, de repente, tinha uma Benedita da Silva (PT-RJ) sorridente no meio do caminho, efusiva, a cumprimentar uma fã.

A alegria das duas deixou Cunha a umas duas camadas de pessoas de distância de Dilma. Mas ele jura que não ia cumprimentar a presidenta:

– Pra quê? Pra vocês fazerem a foto do dia e dizerem que eu só fui falar com ela por causa de Furnas? – disse ele ao Poder Online.

Autor: Tags: , , , , ,

sábado, 29 de janeiro de 2011 Congresso | 06:01

“No macro”, Eduardo Cunha é governista. Mas no micro…

Compartilhe: Twitter

O deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) é conhecido como um dos mais influentes membros do núcleo duro do PMDB. E está em guerra aberta com o PT na disputa pelos cargos de segundo escalão, especialmente no Rio.

Mas Cunha evita dar entrevistas sobre o assunto. Adotou como tática desferir flechadas pelo twitter.

Quando o ministro da Educação, Fernando Haddad, anunciou que tiraria férias em meio a crise no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e no Exame Nacional de Ensino Médio, por exemplo, o deputado postou no Twitter que Haddad não deveria tirar só um mês de férias. Mas sim os quatro anos do governo de Dilma Rousseff.

Agora, Cunha acusa o PT de estar por traz das denúncias contra Furnas Centrais Elétricas, cujo comando foi indicado por ele em nome do PMDB do Rio.

Postou: “Os petistas que plantaram isso são os mesmos que atacam a imprensa e já foram vítmas de difamações”. E mais: “É impressionante o instinto suicida desses caras. Quem não se lembra dos aloprados?” Chegou a ameaçar: “Quem com ferro fere com ferro será ferido.”

Poder Online conseguiu interceptar Eduardo Cunha no Salão Verde da Câmara, entre uma twitada e outra.

Veja sua explicação para este tipo de oposicionismo no micro e o governismo “no macro”:

Autor: Tags: , , , , ,

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011 Governo | 12:04

PMDB faz serão no Planalto

Compartilhe: Twitter

Michel Temer e Henrique Eduardo Alves (Foto: Celso Junior/AE)

Em sua obsessão pelo trabalho – outro dia chegou a interromper o almoço de um ministro ao convocá-lo à labuta – a presidenta Dilma Rousseff só tem o que se orgulhar de seu principal aliado, o PMDB.

Ontem, já passavam das 21h, quando o líder do partido, Henrique Eduardo Alves (RN), chegou ao Palácio do Planalto para uma conversa com o vice-presidente Michel Temer – que àquela altura do dia já havia tido 14 audiências.

Dilma jamais poderá dizer que o PMDB não tem se empenhado na tarefa de colocar todo mundo no lugar certo para ajudar o governo.

Autor: Tags: , , , ,

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011 Partidos | 08:02

Um peemedebista na moita

Compartilhe: Twitter

O ex-governador capixaba Paulo Hartung (PMDB) deixa o nome dele rodar em todas as rodas especulativas do segundo escalão do governo federal. Enquanto tudo parece parado no quesito Diário Oficial, Hartung está em férias, no exterior.

Foi para aquele país chamado Moita.

Autor: Tags: , ,

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011 Partidos | 06:04

O mapa das tendências do PT no segundo escalão

Compartilhe: Twitter

José Eduardo Dutra (Foto: AE)

No primeiro escalão, as tendências do PT aceitaram totalmente as escolhas da presidenta Dilma Rousseff. Ministros e secretários-executivos são cargos, digamos assim, fora do âmbito das disputas internas.

Na nanopolítica, aí já é diferente. Os petistas, esta semana, fazem reuniões e mais reuniões para desenhar o mapa das tendências do partido nos escalões secundários – e terciários – do poder.

Um dos diagnósticos é que a Construindo um Novo Brasil (CNB), tendência do presidente Lula, está superrepresentada. Muito além dos pouco mais de 40% que tem no Diretório Nacional.

Alguns petistas começam a defender uma representação equivalente ao percentual de votos do último encontro nacional, de 2009, que deu vitória a José Eduardo Dutra.

Entre as tendências vitoriosas, a Novo Rumo (NR), de Cândido Caccareza (PT-SP), é a que se sente em maior desvantagem sem, de acordo com o autor do mapeamento, nenhum cargo importante no segundo escalão.

A NR é o segundo grupo mais importante na coligação interna, com 11% dos votos do Diretório Nacional.

Autor: Tags: , , , , ,

Partidos | 06:03

Tendências do PT: quem perdeu, tá levando

Compartilhe: Twitter

A Mensagem ao Partido (incluindo aí a Democracia Socialista), que apoiou José Eduardo Cardozo para presidente do PT em 2009, está bem no mapa do segundo escalão.

Domina as áreas de habitação e os Incras regionais.

Autor: Tags: , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. Última