Publicidade

Posts com a Tag Tadeu Filippelli

quarta-feira, 12 de agosto de 2015 Brasil, Congresso, Governo, Partidos, Política | 16:59

Almoço de Temer é visto como aval para nomeção de Filippelli na SRI

Compartilhe: Twitter
Foto: Brizza Cavalcante - Agência Câmara

Tadeu Filippelli (foto: Brizza Cavalcante – Ag.Câmara)

Integrantes da bancada do PMDB da Câmara saíram do almoço, chamado pelo vice-presidente Michel Temer, nesta quarta-feira (12), com a impressão de que o encontro serviu muito  mais para cacifar o anfitrião, deputado Tadeu Filippelli (PMDB-DF), como um possível futuro ministro das Relações Institucionais do governo, do que para apaziguar a bancada da Câmara, seguidora do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), opositor declarado do governo.

Peemedebistas, que há duas semanas cobravam de Temer que ele entregasse a função de articulador do Planalto, durante o almoço disseram ao vice que, caso ele queira se livrar da função, terá o apoio da bancada.

Temer tem como auxiliar na articulação com o Congresso, o atual ministro da Secretaria de Aviação Civil, Eliseu Padilha (PMDB-RS), que também teria confidenciado a intenção de sair da função.

No almoço, Temer lembrou a frase polêmica dita há uma semana e se disse mal interpretado ao defender a  necessidade de “alguém” para unir o país. O vice chegou a se auto elogiou diante da bancada, dizendo que foi o primeiro do governo ao reconhecer e a falar abertamente sobre a existência de uma crise. O vice chegou a ler sua frase completa para tentar convencer os presentes que não foi infeliz na declaração que suscitou desconfiança entre petistas.

 

Autor: Tags: , ,

domingo, 27 de março de 2011 Estados | 06:02

Vice-governador de Brasília diz que acusações de Arruda visam causar “instabilidade política” no Distrito Federal

Compartilhe: Twitter
Foto: Brizza Cavalcante - Agência Câmara

Tadeu Filippelli (foto: Brizza Cavalcante - Ag.Câmara)

Vice-governador do petista Agnelo Queiroz no Distrito Federal, Tadeu Filippelli é o maior cacique do PMDB em Brasília e responsável pelo afastamento do partido do ex-governador Joaquim Roriz.

Em entrevista ao Poder Online, ele confirma os planos de disputar o governo do Distrito Federal, mas diz que não há hipótese de disputar contra o governador Agnelo.

Filippeli afirmou também que vê  nos novos escândalos no DF envolvendo a deputada Jaqueline Roriz e o deputado Chico Leite uma possível estratégia do ex-governador José Roberto Arruda de criar “instabilidade política” em Brasília para se defender.

Poder Online: Dirigentes partidários dizem que é o senhor que tem governado Brasília, e não o Agnelo. Eles estão certos?

Tadeu Filippelli: Não, de forma nenhuma. Eu apenas contribuo no que eu posso e no que tenho conhecimento. É o contrário. Eu acho que o Agnelo se superou ao conseguir montar um governo com todas as vertentes políticas. Foi de uma habilidade fantástica. Ele tem sido muito correto com todos os partidos, e em particular com o PMDB.

Poder Online: Mas o senhor pretende se candidatar ao governo do Distrito Federal?

Tadeu Filippelli: Esses são planos futuros. Mas, antes de ter esse plano, eu te asseguro que não há a menor possibilidade de eu ter uma disputa de votos com o Agnelo, um conflito eleitoral.

Poder Online: Como fica o governo do DF após tantos escândalos, dessa vez envolvendo o deputado Chico Leite, integrante do mesmo partido do governador Agnelo Queiroz?

Tadeu Filippelli: Uma pessoa que pertence a um partido não pode representar o partido, e nem contaminá-lo como um todo. Cada pessoa tem de ser responsável pelos seus atos e o partido, logicamente, tem de reagir. Mas o que estou vendo nos últimos dias é mais o oportunismo de usar o momento em que estamos passando como um fator de instabilidade política. Mas esses assuntos devem ficar a cargo dos órgãos competentes, que são a Justiça, a Polícia Federal e o Ministério Público.

Poder Online: Mas o que o Arruda ganha criando essa instabilidade política no governo?

Tadeu Filippelli: Talvez seja um gesto mais ligado a uma linha de defesa, a uma estratégia de advogados, do que efetivamente um gesto contra o governo.

Poder Online: Outro caso revelado recentemente foi o vídeo da deputada Jaqueline Roriz recebendo dinheiro de Durval Barbosa, pivô de escândalo de corrupção em Brasília.

Tadeu Filippelli: É outro caso que está na mesma esteira da Operação Caixa de Pandora. No momento, está sendo discutido no lugar em que deve ser discutido, que é na Câmara Federal. Seria improdutivo neste momento eu expressar qualquer opinião sobre o processo que ela sofre por quebra de decoro parlamentar. O que o governo tem que fazer agora é virar os olhos para dentro da sua estrutura e da sua máquina e não permitir erros como esse.

Poder Online: E como está sua relação com o ex-governador Rogério Rosso, ele será expulso do PMDB?

Tadeu Filippelli: Qualquer opinião minha a respeito dele pode ser entendida por uma diferença pessoal, por causa da tentativa dele de reeleição. Eu acho que o governo Rosso foi um momento infeliz para Brasília, quando todos aguardavam uma postura de respeito pela cidade. Quanto ao aspecto partidário, ele responde a um processo de expulsão, já em fase final no Conselho de Ética. Prefiro não comentar.

Autor: Tags: , , , ,

quinta-feira, 18 de novembro de 2010 Partidos | 09:03

Conselho de Ética do PMDB deve julgar Rogério Rosso até o final do ano

Compartilhe: Twitter

Isolado no próprio PMDB, o atual governador do Distrito Federal, Rogério Rosso, deve ter seu processo julgado pelo Conselho de Ética do partido em 40 dias.

Acontece que uma ala do partido está pressionando pela antecipação do julgalmento e gente de proa aposta alto que o resultado será a expulsão.

Rosso, como se sabe, assumiu o governo do DF sob a condição de não sair candidato a reeleição, o que descumpriu. Além disso, declarou apoio a Joaquim Roriz, adversário político do presidente regional do PMDB e vice-governador eleito, Tadeu Filippelli.

Autor: Tags: , , , ,

sexta-feira, 13 de agosto de 2010 Eleições | 11:30

“Da próxima vez, assisto ao debate de colete”

Compartilhe: Twitter

O deputado federal Tadeu Filippelli (PMDB) recebeu críticas bem diretas durante o debate realizado ontem pela Band com os candidatos ao governo do Distrito Federal. O peemedebista é candidato a vice-governador do DF na chapa do petista Agnelo Queiroz.

Acontece que Filippelli foi braço direito do ex-governador Joaquim Roriz (PSC), principal concorrente de Agnelo na disputa ao Palácio do Buriti. Além disso, PMDB e PT sempre andaram em linhas opostas no Distrito Federal.

— Da próxima vez, vou assistir ao debate de colete — afirmou Filippelli ao Poder Online.

Autor: Tags: , , , , ,

sábado, 19 de junho de 2010 Eleições | 15:45

Tensão no PMDB do Distrito Federal

Compartilhe: Twitter

Tensão do lado de fora do prédio onde está sendo realizada a convenção do PMDB no Distrito Federal.

Grupos de apoio à reeleição do atual governador Rogério Rosso se estranharam com manifestantes a favor o deputado federal Tadeu Filippelli, que pretende disputar as eleições como vice do candidato petista ao governo Agnelo Queiróz.

A polícia chegou a ser acionada para apaziguar os ânimos.

Autor: Tags: , , , ,