Publicidade

Posts com a Tag TV Globo

sexta-feira, 8 de agosto de 2014 Eleições | 17:48

‘É inaceitável o critério de cobertura da Globo’, diz presidente do PT paulista

Compartilhe: Twitter
O presidente do PT-SP, Emidio de Souza (Foto: Divulgação)

O presidente do PT-SP, Emidio de Souza (Foto: Divulgação)

Depois do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o presidente do PT de São Paulo e coordenador da campanha estadual petista, Emidio de Souza, reforçou o coro contra os critérios adotados na cobertura eleitoral da TV Globo.

“É inaceitável o critério adotado”, diz o dirigente, sobre a decisão da emissora de só acompanhar candidatos com mais de 6% nas pesquisas de opinião. Com isso, o ex-ministro e candidato do PT, Alexandre Padilha, fica excluído da cobertura, considerada estratégica nessa etapa da campanha.

Emidio avisou que pretende enviar ainda hoje uma mensagem à emissora, formalizando o posicionamento da campanha em relação aos critérios da cobertura eleitoral. Embora afirme que ainda não há uma decisão tomada nesse sentido, ele afirma que não está descartada a possibilidade de recorrer à Justiça para tentar assegurar espaço na telinha.

Autor: Tags: , ,

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013 Partidos | 12:32

Jandira Feghali pega carona em Roberto Carlos

Compartilhe: Twitter
A deputada Jandira Feghali (Foto: Divulgação)

A deputada Jandira Feghali (Foto: Divulgação)

Jandira Feghali (PCdoB-RJ) garantiu um espaço no horário nobre da televisão no dia 25 de dezembro. Ela vai aparecer no intervalo do especial de fim de ano da TV Globo com o cantor Roberto Carlos.

O tema de sua propaganda partidária será o seminário realizado pelo PCdoB em novembro.

Jandira é pré-candidata ao governo do Rio.

Leia também: Deputada tenta driblar Feliciano e reativa subcomissão de Direitos Humanos

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013 Política | 10:00

Irmão de Alexandre Padilha estreia em novela da Globo

Compartilhe: Twitter
Celso Reeks como Doutor Breno (foto: Divulgação/TV Globo)

Celso Reeks como Doutor Breno (foto: Divulgação/TV Globo)

O doutor Breno, da nova novela da Tv Globo “Além do Horizonte”, é interpretado pelo ator Celso Reeks, irmão do ministro Alexandre Padilha (Saúde), pré-candidato do PT ao governo do Estado de São Paulo.

Na novela, Breno é o coordenador do laboratório onde Marlon (Rodrigo Simas) trabalha. Reeks é ator da companhia Nau de Ícaros e trabalha na divulgação e mapeamento da arte de rua nos espaços públicos da região metropolitana de São Paulo.

Celso e Padilha são irmãos por parte do pai, Anivaldo Padilha, torturado e exilado durante a ditadura militar. Anivaldo -que inclusive ficou preso com a presidente Dilma Rousseff- teve que fugir do país quando sua mulher na época, a mãe do ministro, estava grávida dele.

Nos Estados Unidos, Anivaldo casou-se novamente e teve Celso. Padilha só conheceu o pai com oito anos.

Saiba mais: Ao iG, pai de ministro narra a dor de viver longe do filho durante a ditadura

 

Autor: Tags: , , , , ,

quinta-feira, 18 de julho de 2013 Brasil | 12:00

‘A Receita que cuide dos seus processos’, afirmou Peluso sobre sumiço de ação contra Globo

Compartilhe: Twitter

No voto em que se posicionou a favor de um habeas corpus em benefício da funcionária da Receita Federal acusada de extraviar um processo contra a Globo, em setembro de 2007, o então ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Cezar Peluso, foi enfático. Disse não ver nenhum fato que justificasse a prisão preventiva de Cristina Maris Meinick Ribeiro.

“Não vi nenhum fato que justificasse o receio de fuga, e o invocado como razão para evitar influência na instrução, com o devido respeito, não tem sentido nenhum”, afirmou Peluso, ao acompanhar o voto do ministro Gilmar Mendes, que na época relatou o pedido de liberdade provisória feito pela defesa da servidora. Ao concluir a análise, Peluso engatou: “A Receita que cuide de seus processos”.

Como o iG informou no último dia 9, Cristina foi condenada a 4 anos e 11 meses de prisão pela 3ª Vara Criminal Federal do Rio de Janeiro por ter, entre outros crimes, extraviado o processo no qual a Globo é cobrada em mais de R$ 600 milhões por suposta sonegação fiscal. O caso se refere aos direitos de retransmissão da Copa do Mundo de 2002. Cristina hoje aguarda em liberdade o julgamento de recurso. Antes da decisão do STF, o pedido de liberdade provisória da servidora, feito em julho daquele mesmo ano, havia sido recusado em quatro outras instâncias.

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 1 de agosto de 2012 Eleições | 10:53

PSol ameaça ir à Justiça por lugar no debate da TV Globo

Compartilhe: Twitter

Se o PT ameaçava entrar com uma ação na Justiça contra a TV Globo por causa da cobertura jornalística das eleições em São Paulo, agora a disposição parte do PSOL e por causa do debate.

Para a cobertura das atividades diárias dos candidatos houve acordo entre a emissora e os partidos, o que não aconteceu no caso do debate que a TV Globo pretende realizar.

A emissora concordou em ter os seis primeiros colocados nas pesquisas de intenção de votos no debate e só.

Carlos Giannazi, candidato a prefeito pelo PSOL, diz que seu partido tem o direito constitucional de participar do debate e que brigará por isso.

— Vamos entrar com ação na Justiça sim. O Plínio Arruda Sampaio só conseguiu participar em 2010 graças a isso. Temos representação no Congresso Nacional e isso nos garante o direito. É causa ganha — disse um confiante Giannazi.

Autor: Tags: , , , ,

terça-feira, 31 de julho de 2012 Eleições | 18:47

TV Globo fecha acordo com candidatos para cobertura da campanha em São Paulo

Compartilhe: Twitter

Em reunião realizada na manhã desta terça-feira, a TV Globo conseguiu fechar um acordo com os candidatos a prefeito de São Paulo a respeito da cobertura das eleições nos telejornais da emissora.

Ficou definido que os oito primeiros colocados nas pesquisas de intenção de voto terão espaço na programação.

Os seis primeiros com imagens e tempo proporcional ao posicionamento na pesquisa, os três primeiros com mais tempo do que os três que vierem a seguir.

O sétimo e o oitavo colocados também serão citados nos telejornais, mas sem direito a imagens, será feita a leitura breve de sua agenda do dia pelo apresentador, a chamada nota pelada.

Autor: Tags: , ,

segunda-feira, 30 de julho de 2012 Eleições | 16:23

PT ameaça com ação na Justiça caso formato da cobertura televisiva da Globo para eleição não seja revisto

Compartilhe: Twitter

O PT ameça ir à Justiça se a TV Globo insistir no formato de cobertura da eleição municipal conforme apresentado na reunião da semana passada.

Pela proposta da emissora, somente os dois primeiros colocados nas pesquisas de intenção de voto teriam exposição diária nos telejornais, nesse caso José Serra (PSDB) e Celso Russomanno (PRB).

Os candidatos do bloco intermediário, Fernando Haddad (PT), Soninha Francine (PPS), Gabriel Chalita (PMDB) e Paulinho da Força (PDT), se revezariam, o que poderia garantir a cada um somente duas aparições por semana.

Amanhã, executivos da emissora terão novo encontro com os representantes dos candidatos para tratar do tema.

Autor: Tags: , ,

sexta-feira, 3 de junho de 2011 Governo | 21:32

Palocci falou para quem Dilma queria

Compartilhe: Twitter

Não foi o ministro-chefe da Casa Civil, Antônio Palocci, quem escolheu os órgãos de imprensa para os quais ele daria suas primeiras entrevistas sobre o crescimento de seu patrimônio — Jornal Nacional, da TV Globo, e Folha de S.Paulo.

Também não foi a assessoria da Casa Civil que escolheu. Muito menos ainda a empresa que faz a assessoria pessoal do ministro.

Quem escolheu os órgãos para os quais Palocci falaria foi a própria presidenta Dilma Rousseff.

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 11 de agosto de 2010 Eleições | 08:32

Plínio protesta contra os três minutos no Jornal Nacional

Compartilhe: Twitter

Plínio de Arruda Sampaio (Foto: AE)

Apesar de estar convidado pela TV Globo para gravar uma aparição no Jornal Nacional, o candidato do PSOL  à Presidência da República, Plínio de Arruda Sampaio, não se dá por satisfeito:

— Pois é, comigo serão só três minutos e pré-gravados. A Globo colocou-me na classe econômica. Foi para o espaço o princípio da igualdade de oportunidades. Vou lá gravar, mas vou protestar.

Autor: Tags: , ,