Publicidade

Posts com a Tag uso medicinal de maconha

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015 Governo | 17:01

‘É uma grande vitória pra quem enfrenta a epilepsia’, diz defensor do canabidiol

Compartilhe: Twitter
Valdir Francisco Vaz e o filho Lorenzo. (Foto: Divulgação)

Valdir Francisco Vaz e o filho Lorenzo. (Foto: Divulgação)

Os familiares de pessoas com epilepsia comemoraram, nesta quarta-feira, a decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária que reclassificou o canabidiol – remédio feito à base de um óleo retirado da maconha –  como medicamento de uso controlado e não mais como substância proibida.

“É uma grande vitória para todos que enfrentam a epilepsia”, diz o enfermeiro Valdir Francisco Vaz, pai de Lorenzo, que desde os quatro meses de idade desenvolveu uma das mais rigorosas versões da epilepsia. “Essa é uma doença muito estigmatizada, com um risco de vida constante. Esse é um passo muito importante”, comemora Valdir, que antes da reunião entregou aos diretores da Anvisa um abaixo-assinado com cerca de 67 mil assinaturas.

De acordo com o enfermeiro, além de uma redução de custos considerável na importação do medicamento e de um incentivo à pesquisa brasileira na área, a decisão da Anvisa também contribui para um tratamento mais saudável dos pacientes, uma vez que os efeitos colaterais do canabidiol seriam menos agressivos. “É como se fosse um fitoterápico”, diz Valdir.

Saiba mais: Anvisa libera remédio derivado da maconha

Autor: Tags: , , , , , ,

quarta-feira, 19 de novembro de 2014 Brasil | 06:00

Não há porque não legalizar remédio derivado da maconha, diz vice-presidente do Cremesp

Compartilhe: Twitter

Com base nos indicativos apontados por estudos sobre o uso medicinal de substâncias relacionadas à maconha, o vice-presidente do Conselho Regional de Medicina de São Paulo, Mauro Aranha, faz uma defesa enfática da legalização do uso do canadibiol. Embora seja derivada da cannabis saliva, a substância não provoca efeitos alucinógenos ou experiências psicóticas, lembra o especialista.

O fundamental, diz ele, é assegurar a devida regulamentação. “O fundamento da prescrição é um fundamento da ponderação de valores que deve guiar toda decisão ética”, diz ele, ao comentar  a resolução do conselho, que regulamentou no mês passado o uso do canadibiol para tratamento de determinados tipos de epilepsia em lactentes e crianças. O canadibiol reduz a frequência de crises convulsivas nesses pacientes.

“Todo brasileiro deve ter acesso a substâncias químicas que sejam terapêuticas e que devidamente regulada por seus oragos da sociedade civil não sejam tóxicas. Não há porque não se regular claramente, legalizar, registrar essa substância canadibiol”, argumenta.

 

 

Autor: Tags: , , , ,