Publicidade

Posts com a Tag Vanderlei Macris

quinta-feira, 20 de março de 2014 Congresso | 10:00

Petista cobra instalação da CPI do Metrô em São Paulo

Compartilhe: Twitter

Diante da estratégia do blocão para desgastar o Planalto por meio de convocações a ministros e representantes do governo federal ao Congresso, o deputado federal Vanderlei Siraque (PT-SP) cobrou da oposição postura semelhante no estado de São Paulo, governado pelo PSDB.

Ele chegou a cobrar essa postura do colega Vanderlei Macris (PSDB-SP). “Em São Paulo, vossa excelência não deixava nem a gente convidar um secretário”, disse.  “Aqui vocês são democráticos, mas lá são ditadores. Pega a questão do trem, do metrô:  até hoje não tem uma CPI”, disse o petista.

Assista:

Autor: Tags: , , , , , ,

segunda-feira, 25 de novembro de 2013 Política | 16:17

PSDB mobiliza parlamentares em apoio a exportadores

Compartilhe: Twitter

O PSDB decidiu mobilizar deputados em apoio à proposta de prorrogar o Regime Especial de Reintegração de Valores Tributários para as Empresas Exportadoras, conhecido como Reintegra. Vanderlei Macris (SP) e Alfredo Kaefer (PR) foram recrutados para fazer coro em favor do setor.

O governo federal já sinalizou que o benefício, criado em 2011 e prorrogado por medida provisória até dezembro deste ano, não será estendido novamente. O regime permite às empresas recuperar parte dos impostos indiretos pagos ao longo da cadeia produtiva, que não foram compensados, até o limite de 3% das receitas de exportação.

Para a Confederação Nacional da Indústria (CNI),  o regime é um compensador de uma distorção do sistema tributário brasileiro e reduz o peso dos tributos sobre o custo final dos produtos. A instituição pede a prorrogação por pelo menos mais três anos.

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 30 de outubro de 2013 Congresso | 11:00

Relator defende texto restrito sobre voto aberto para continuar luta no Senado

Compartilhe: Twitter

O deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP) defenderá a manutenção do texto atual da PEC 196/12 para colocar fim às votações secretas em decisões sobre cassação de mandato.

Ele reconhece que o texto é restrito e defende o fim das votações secretas em todos os casos, mas diz que a melhor estratégia é aprovar a PEC do jeito que está sob o argumento de que ela já está na reta final de sua tramitação, já foi votada duas vezes no Senado.

Se o texto for modificado, terá de retornar para apreciação do Senado. Ao mesmo tempo, existe uma proposta mais ampla, que acaba com o voto secreto para todas as votações tramitando no Senado.

Macris diz que uma coisa não atrapalha a outra e que, aprovado o texto mais restrito, será possível continuar a articulação pela proposta mais ampla com a garantia do fim do voto secreto em pelo menos um caso.

“Se tiver qualquer mudança, terá de voltar ao Senado e aí atrasa novamente”, disse o tucano.

Assista:

Autor: Tags: , , ,

terça-feira, 30 de abril de 2013 Estados | 14:06

Bancada tucana da Alesp fecha indicações para diretório estadual do PSDB

Compartilhe: Twitter

A bancada do PSDB na Assembléia Legislativa de São Paulo esteve reunida na manhã desta terça-feira para deliberar sobre indicações que fará para a composição da chapa única que será apresentada para assumir o diretório paulista do partido.

O deputado estadual Cauê Macris, filho do deputado federal Vanderlei Macris, será indicado para a 1ª vice. Cargo que atualmente é ocupado por seu pai.

Outro deputado estadual, Antônio de Souza Ramalho, foi o escolhido pela bancada para a 1ª secretaria.

Dilador Borges é a indicação da bancada para ocupar uma das vogais.

Os nomes serão apresentados para Duarte Nogueira, canidato único para assumir a presidência.

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 10 de abril de 2013 Partidos | 13:00

Ação de deputados federais acirra disputa pelo comando do PSDB paulista

Compartilhe: Twitter

O deputado estadual Pedro Tobias, que atualmente preside o PSDB paulista, não terá caminho livre, caso tente a reeleição no dia 5 de maio. No final de fevereiro, Tobias disse ao Poder Online que só concorreria ao cargo novamente se conseguisse aprovar modificação no estatuto para que haja voto direto dos delegados do partido.

Essa modificação estatutária foi aprovada no último final de semana no Congresso Estadual do PSDB paulista, o que abre as portas para que Tobias tente permanecer no cargo.

Só que, atentos a esse movimento, os deputados federais tucanos resolveram colocar o time em campo e articular a candidatura de Duarte Nogueira sob a justificativa de que o rodízio deve ser respeitado.

Pelo acordo defendido pela bancada federal, o diretório deve ser presidido um mandato por um deputado estadual e outro por um federal em rodízio.

E para ano de eleições nacionais, os tucanos da Câmara dos Deputados preferem um nome que conviva no dia-a-dia da luta nacional do partido.

O coordenador da bancada, Vanderlei Macris já faz campanha abertamente, embora busque eliminar polêmicas sobre um eventual desconforto com Tobias. “Ele é um grande companheiro”, diz Macris.

Assista:

[kml_flashembed movie="http://www.youtube.com/v/fzFyyRjlgmI" width="640" height="480" allowfullscreen="true" fvars="fs=1" /]

Autor: Tags: , , ,

terça-feira, 17 de julho de 2012 Congresso | 17:22

Tucanos se fecham para apoiar Perillo e acusam governo de tentar desviar foco da CPI do Cachoeira, veja

Compartilhe: Twitter

O presidente nacional do PSDB, deputado federal Sergio Guerra (PE) afirnou há pouco que trazer o governador de Goiás, Marconi Perillo, para o centro do debate na CPMI do Cachoeira é uma tentativa do governo de tirar o foco do julgamento do mensalão, que será realizado a partir do mês de agosto.

A declaração foi dada na presença de outros correligionários, como o senador Álvaro Dias (PR) e o deputado federal Vanderlei Macris (SP).

Guerra acrescentou que o partido está tranquilo em relação à situação de Perillo e que nada se colocou contra ele diante das suspeitas de envolvimento no esquema do contraventor Carlinhos Cachoeira.

Assista:

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 13 de junho de 2012 Congresso | 18:39

Tucano levanta suspeita a respeito de casa comprada pelo governador do DF

Compartilhe: Twitter

O deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP) suspeita que uma casa comprada por R$ 400 mil pelo governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), numa das áreas mais nobres de Brasília, pertencia ao empresário do ramo de eventos Jamil Suaiden.

Suaiden é dono da empresa FJ Produções, da qual Queiroz negou ter contratos com o governo.

Macris apresentou este documento (imagem ao lado), com informações do Sistema Integrado de Fiscalização e Controle do Distrito Federal, (Siaf) que mostram o montante que a empresa teria recebido do governo.

Autor: Tags: , ,

quarta-feira, 30 de maio de 2012 Congresso | 14:57

CPMI do Cachoeira tem baixa do PSDB

Compartilhe: Twitter

A CPMI do Cachoeira já sofreu a sua primeira baixa.

O deputado Rogério Marinho (PSDB-RN) deixa uma das duas vagas de suplente do PSDB na comissão. Ele disputará as eleições pela prefeitura de Natal.

Para o lugar dele entra o deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP).

A cúpula do PSDB quis colocar Macris na comissão logo no início do funcionamento da CPMI, mas por um acordo interno fez uma distribuição das vagas por estado.

Macris foi destaque do partido durante a CPI do Apagão Aéreo, em 2007.

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012 Estados | 10:02

Macris em campanha por vaga no Tribunal de Contas paulista

Compartilhe: Twitter

Na disputa por uma das duas cadeiras que ainda serão abertas este ano no Tribunal de Contas paulista, o deputado federal Vanderlei Macris (PSDB) participou ontem da cerimônia que deu início ao ano legislativo na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp).

Macris disputa a preferência dos 94 parlamentares da Alesp com outros dois deputados: o estadual Jorge Caruso (PMDB) e o federal Dimas Ramalho (PPS).

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 31 de agosto de 2011 Congresso | 17:48

Tucano apresenta requerimento para ouvir ministro dos Esportes

Compartilhe: Twitter

O deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP) vai apresentar daqui a pouco requerimento convocando o ministro dos Esportes, Orlando Silva (PCdoB), a prestar esclarecimentos na Comissão de Finanças e Tributação da Câmara.

A pasta foi alvo hoje de novas denúncias de irregularidades em repasse de R$ 6,2 milhões a projeto que nunca saiu do papel.

Autor: Tags: , , , , , ,