Publicidade

Posts com a Tag Vicente Cândido

quinta-feira, 2 de abril de 2015 Governo | 12:27

Depois do chá de cadeira, Levy recebeu líder do PT à noite

Compartilhe: Twitter
Joaquim Levy (Foto: Agência Brasil)

Joaquim Levy (Foto: Agência Brasil)

Pegou mal, mas o ministro Joaquim Levy tentou compensar o furo que deu no líder do PT na Câmara, Sibá Machado, relatado ontem pelo Poder Online. Depois de deixar o petista esperando por duas horas sem ser atendido no fim da manhã, Levy deu um jeito de chamá-lo de volta para discutir a votação do ajuste fiscal no Congresso.

Os dois se reuniram à noite, numa conversa que teve também a participação do deputado Vicente Cândido, outro que havia encarado mais cedo a longa espera no Ministério da Fazenda.

Autor: Tags: , , , ,

terça-feira, 20 de maio de 2014 Eleições | 06:00

PT manda engavetar proposta que mantém financiamento privado das campanhas

Compartilhe: Twitter

O PT montou uma operação para engavetar a proposta de emenda constitucional da reforma política, que vinha sendo trabalhada por um grupo de deputados para tentar dar sobrevida ao financiamento privado das campanhas eleitorais.

Após a bancada petista fechar questão em torno do assunto, a cúpula partidária agora acionou diretamente o presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, Vicente Cândido (SP), que foi orientado a não pautar o projeto no colegiado.

Entenda: Grupo de deputados tenta dar sobrevida ao financiamento privado de campanha

A proposta de reforma política foi desenhada por um grupo de trabalho liderado pelo deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP), no ano passado.  Recentemente, o iG relatou a movimentação de Vaccarezza, numa articulação conjunta com o líder do PMDB, Eduardo Cunha (RJ), e o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), para utilizar a proposta como base de uma estratégia para manter as doações privadas nas eleições.

O plano era votar a proposta antes que o Supremo Tribunal Federal concluísse o julgamento sobre o assunto, no qual já há maioria pela ilegalidade do financiamento privado. Cândido era peça-chave da estratégia do grupo, já que caberia a ele dar andamento ao projeto na CCJ.

Leia também: Reforço petista reforça poder de Eduardo Cunha contra o Planalto

 

Autor: Tags: , , , , ,

quinta-feira, 15 de maio de 2014 Congresso | 10:30

Bancada feminina se articula contra ofensiva evangélica

Compartilhe: Twitter

Representantes da bancada feminina e do movimento feminista se articularam, na última quarta-feira, para conter a ofensiva evangélica que pretendia reacender o debate sobre a chamada “cura gay” e o Estatuto do Nascituro, na Câmara dos Deputados.

Leia mais: Evangélicos se uniram para resgatar cura gay

Na Comissão de Direitos Humanos, as deputadas conseguiram barrar o requerimento do deputado Henrique Afonso (PV-AC) para realização de audiência pública sobre a “cura gay” e estão se articulando junto à bancada do PSB para garantir o arquivamento da proposta apresentada pelo Pastor Eurico (PSB-SE).

Além disso, por iniciativa das deputadas Jô Moraes (PCdoB-MG), Janete Pietá (PT-SP), Érika Kokay (PT-DF) e Iara Bernardi (PT-SP), o presidente da Comissão de Constituição e Justiça, Vicente Cândido (PT-SP), se reuniu com o movimento e se comprometeu a não pautar o projeto do Estatuto do Nascituro, na comissão.

Assista:

Autor: Tags: , , , , , ,

sábado, 12 de abril de 2014 Congresso | 07:00

‘Estou rezando para o STF votar logo’, diz presidente da CCJ sobre reforma política

Compartilhe: Twitter

O deputado federal Vicente Cândido (PT-SP), presidente da CCJ. (Foto: Divulgação)

O presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados, Vicente Cândido (PT-SP), diz que está na torcida para que o STF conclua a votação sobre financiamento privado.

Saiba mais: ‘Necessidade de votar a reforma política é 100% consenso’, diz Vaccarezza

“Estou rezando para o STF votar logo isso, assim a gente instala uma crise e cria o debate na Câmara”, afirmou Cândido. O deputado defendeu, no entanto, que as mudanças só deveriam passar a valer em 2016. O tema também está na pauta da próxima reunião da CCJ.

O petista disse ser favorável à sugestão de Jandira Feghali (PCdoB-RJ), sobre instalar uma comissão especial sobre reforma política, onde possam ser debatidos em conjunto a PEC 352/2013, de Cândido Vaccarezza, e o PL 6316/2013, que tem o apoio da “Coalizão Democrática pela Reforma Política e Eleições Limpas”, integrada pela OAB e CNBB.

No momento, o julgamento no tribunal aguarda a análise do ministro Gilmar Mendes, que pediu vistas do processo. Cândido não acredita, porém, que o ministro liberará o processo a tempo de as mudanças serem aplicadas nas eleições de 2014.

Autor: Tags: , , , , , ,

sexta-feira, 11 de abril de 2014 Congresso | 10:30

No Dia do Índio, comissão debaterá PEC que cria vagas indígenas no Congresso

Compartilhe: Twitter
PEC foi apresentada após protestos índigenas, em 2013. (Foto: Antônio Cruz / ABr)

PEC foi apresentada após protestos indígenas, em 2013. (Foto: Antônio Cruz / ABr)

O presidente da Comissão de Constituição e Justiça, Vicente Cândido (PT-SP), garantiu que já está articulando a votação da proposta que cria quatro vagas especiais para comunidades indígenas, na Câmara dos Deputados.

A ideia é votar a PEC 320/2013, em homenagem ao Dia do Índio, celebrado no dia 19 de abril.

Apresentada pelo deputado Nilmário Miranda(PT-MG), a proposta já recebeu parecer favorável do relator Alessandro Molon (PT-RJ).

Pelo projeto, eleitores indígenas poderão escolher entre a votação universal e a especificamente voltada para as vagas aos povos indígenas. A distribuição geográfica das vagas especiais será estabelecida em lei específica.

 

 

Autor: Tags: , , , , ,

terça-feira, 18 de março de 2014 Congresso | 07:00

Regularização do lobby será tema de audiência pública na CCJ

Compartilhe: Twitter
Carlos Zarattini

Carlos Zarattini

Tramitando desde 2007, o Projeto de Lei 1202/07 de autoria do deputado Carlos Zaratini (PT-SP) deverá ser debatido em audiência pública na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados.

Segundo o novo presidente da comissão, Vicente Cândido (PT-SP), a proposta será discutida em audiência marcada para o próximo dia 27 de março.

Diversos projetos que tentaram de alguma forma regulamentar a atividade de lobby no poder Legislativo já fracassaram na sua tramitação desde 1988, quando foi promulgada a atual Constituição.

Autor: Tags: , , , ,

terça-feira, 11 de março de 2014 Congresso | 07:00

Em homenagem às mulheres, presidente da CCJ monta pauta feminina

Compartilhe: Twitter

O novo presidente da Comissão da Constituição e Justiça da Câmara, deputado Vicente Cândido (PT-SP), resolveu priorizar na abertura dos trabalhos uma pauta toda voltada às mulheres.

“Por ocasião do 8 de março (Dia Internacional da Mulher) queremos fazer uma deferência às mulheres parlamentares. Estamos priorizando projetos de autoria de mulheres, de relatoria de mulheres e projetos de matéria que seja correlata ao dia das mulheres”, disse Cândido.

O petista afirmou que não espera resistência dos colegas em relação a essa iniciativa.

Assista:

Autor: Tags: , , ,

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014 Congresso | 21:52

PT define comissões: Assis do Couto presidirá Direitos Humanos

Compartilhe: Twitter

O PT fechou há pouco suas indicações para presidências das comissões a que tem direito na Câmara dos Deputados.

Vicente Cândido (SP) foi confirmado no comando da Comissão de Constituição e Justiça.

Amaury Teixeira (BA) é a indicação para presidir a Comissão de Seguridade Social.

Assis do Couto (PR) foi confirmado para o comando da Comissão de Direitos Humanos. A definição dessa comissão teve de ser feita no voto. Couto recebeu 35 votos contra 22 de Nilmário Miranda (MG).

Devanir Ribeiro (SP) será indicado para a comissão de Orçamento.

Autor: Tags: , , , , , , ,

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014 Congresso | 15:07

Disputa interna do PT guia indicações em comissões

Compartilhe: Twitter

O nó petista a respeito das comissões e da relatoria do Orçamento precisa de muita conversa ainda, o que deve ser feito na terça-feira na reunião da bancada.

O nome de Assis do Couto (PR) ganhou força para presidir a Comissão de Direitos Humanos devido a um compromisso que o PT tinha de ficar com a Comissão de Agricultura e indicá-lo para a presidência.

Como Direitos Humanos virou prioridade, Couto ficou sem a indicação e poderia suceder Marco Feliciano a título de compensação. Erika Kokay e Nilmário Miranda tensionam, mas a decisão final passará também pela necessidade de se contemplar diferentes tendências dentro da bancada.

Da mesma forma, a indicação de Benedita da Silva para  presidir a Comissão de Saúde dependerá desse arranjo que busca satisfazer correntes distintas.

O nome mais consolidado é o de Vicente Cândido para chefiar a Comissão de Constituição e Justiça. Nenhum colega petista até agora tentou dividir essa bola com o deputado paulista.

Autor: Tags: , , , , ,

quarta-feira, 23 de outubro de 2013 Congresso | 08:00

Petista diz que Dilma deu aval para criar ‘ProUni do Esporte’ e equacionar dívidas de clubes

Compartilhe: Twitter

O deputado Vicente Cândido (PT-SP) afirmou que já tem o aval da presidente Dilma Rousseff (PT) a criação de uma espécie de ProUni do Esporte, para resolver a questão do endividamento dos clubes.

Leia também: Dilma só discutirá dívidas com clubes que estiverem de acordo com nova lei

De forma semelhante ao Programa Universidade para Todos, em que renúncias fiscais são trocadas por vagas subsidiadas em instituições de ensino superior privadas para estudantes de baixa renda, o Prouni do Esporte trocará dívidas por formação de atletas. “Será feita uma permuta. O clube poderá pagar sua dívida formando atletas, que é a função principal do clube”, disse Cândido.

Na sexta-feira, será realizada uma reunião em São Paulo para fechar os detalhes e procedimentos do Prouni do Esporte. Nesse encontro estarão alguns presidentes de clubes que estiveram em audiência pública na Câmara dos Deputados na semana passada, como os presidentes do Coritiba, Internacional, Flamengo e Bahia. O ex-presidente do Palmeiras, o economista Luiz Gonzaga Belluzzo, também participará. Haverá um representante do Ministério do Esporte.

Confira: Romário dispara contra Fifa, diz que Blatter é ladrão e CBF corrupta

Ele explicou ainda que um fundo, que será abastecido com rendas oriundas da Timemania e da raspadinha, será formado para ajudar a financiar a formação de atletas. Cândido calcula que esse fundo deverá ter por volta de R$ 1 bilhão por ano.

As duas medidas conjuntas são parte do esforço para que o Brasil não passe vexame no quadro de medalhas dos Jogos Olímpicos de 2016, que serão realizados no Rio de Janeiro. A preocupação nesse sentido já foi inclusive manifestada pelo próprio ministro do Esporte, Aldo Rebelo (PCdoB).

O deputado petista descartou a possibilidade de que os clubes ganhem perdão puro e simples de suas dívidas junto à União.

Assista:

Autor: Tags: , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última